blog

/Tag:blog

Morte e Vida na Umbanda

Morte e Vida na Umbanda Vivemos como se não fosse morrer; e, morremos como se não houvesse vivido. A morte é um tabu e a vida é uma ilusão ou um fracasso. A morte é o nivelador universal de todos nós: branco ou negro, vermelho ou amarelo, rico ou pobre, culto ou inculto, sábio ou ignorante, novo ou velho; vamos todos morrer. A morte da sentido à vida, se não houvesse a morte o que seria de nós? Uma coisa é certa: não

Umbandas

Há quem defenda um “tipo ideal” de Umbanda, descartando outras formas de praticá-la. Assim uns reconhecem e outros negam as várias Umbandas, aceitam ou refutam a “Umbanda do Outro Umbandista”. Creio que podemos trilhar um caminho do meio, no qual a Umbanda é uma na essência com diversas formas de manifestação. O UM da Unidade e a BANDA da Diversidade. O Uno e o Verso deste Universo Umbandista. A liberdade litúrgica permite certas variantes, desde que estas não desvirtuem seus